Desempenho FísicoDicasEmagrecimentoSaúde

O que é e como tratar a gordura localizada.

O acúmulo de gordura em nosso corpo tem um papel importante e a explicação para essa atividade corporal tem origem em tempos passados.  Os corpos dos nossos ancestrais acumulavam e economizavam gordura pois eles gastavam muita energia em suas atividades diárias, afinal, caçavam, buscavam alimentos, fugiam de animais e podiam vir a passar longos períodos sem alimento. Com isso, o corpo se adaptou e passou a acumular gordura, preparando-se então para esses momentos de grande gasto energético ou mesmo momentos em que precisassem passar longos períodos sem se alimentar.

Atualmente, nosso corpo continua acumulando gordura para nos fornecer energia, além disso, a gordura corporal também cumpre funções como, manter a temperatura do corpo, proteger os órgãos vitais, transportar vitaminas etc. A grande questão é que o nosso gasto energético já não é mais equivalente ao de nossos ancestrais, e precisamos ficar de olho quando o acúmulo de gordura em nosso corpo passa a ser um perigo.

O fato de estocarmos gordura de maneira excessiva e em locais indesejados pode ser resultado de um conjunto de fatores: maus hábitos alimentares, pouco exercício físico, genética, funcionamento hormonal, estilo de vida. As regiões mais comuns para esse acúmulo são as consideradas flácidas, tais como barriga, culotes, braços e a região conhecida como papada.

Quando é necessário ligar o sinal de alerta?

Mais importante do que saber o seu IMC, é conhecer a sua porcentagem de gordura corporal, afinal, uma pessoa magra não é necessariamente uma pessoa saudável.  Você já ouviu falar de uma pessoa que é “falsa magra”? Isso significa que mesmo que ela aparente ser saudável e com pouca gordura no corpo, ela tem gordura “escondida” no organismo. Logo, apesar da aparência saudável, ela corre riscos por acumular essa gordura em locais perigosos para a saúde.

Entender onde a sua gordura tem se acumulado e quais os efeitos que ela está causando em seu corpo são necessários para prevenir diversos tipos de doenças. A gordura acumulada na região abdominal, por exemplo, pode ser um sinal de acúmulo de gordura em órgãos vitais, é a chamada gordura visceral. Ela se acumula por cima de órgãos como fígado, intestino e coração, e eventualmente pode ocasionar doenças como diabetes, colesterol e hipertensão.

Por isso, não hesite em fazer exames periódicos para entender se os seus níveis de gordura corporal têm prejudicado a sua saúde.

Dicas para perder gordura localizada

Exercícios físicos: a atividade física regular vai te ajudar a perder gordura localizada, acelerar o seu metabolismo e definir o seu corpo.

Alimentação balanceada: não é simplesmente cortando as gorduras que se perde a adiposidade corporal. Lembre-se: o seu corpo precisa de gordura! O segredo está muito mais em manter uma alimentação balanceada, com uma quantidade de calorias adequada e focando sempre na diversidade e na qualidade dos alimentos do que em cortar de vez toda e qualquer gordura.

Bons hábitos: durma bem; alimente-se regularmente para o seu metabolismo funcionar e não entender que precisa estocar energia de maneira exacerbada; busque cultivar um ritmo de vida saudável e cuide da sua mente. Seu corpo precisa de harmonia para funcionar regularmente, portanto, dê a ele condições favoráveis para que tudo isso aconteça.

Tratamentos estéticos: atualmente, a variedade de tratamentos estéticos nos permite cuidar do nosso corpo, na maior parte das vezes, de maneira pouco invasiva. Por isso, se você possui gorduras um pouco mais resistentes, você pode fazer uso de tratamentos para gordura localizada. Sempre lembrando que os tratamentos estéticos devem vir acompanhados de todas as dicas citadas acima, ou seja, eles não devem ser a única solução para a gordura localizada.

Faça uso de ativos naturais: alguns ativos atuam diretamente na queima de gordura. Alguns deles são:

  • Chá verde: promove a saciedade, acelera o metabolismo, é um poderoso antioxidante, combate o colesterol, melhora o humor e otimiza a digestão.
  • Cavalinha: proporciona a aceleração do metabolismo, fazendo assim com que o corpo queime calorias e use de maneira mais eficiente as gorduras.
  • Picolinato de cromo: promove a redução dos níveis de gordura corporal, também é responsável pela sensação de saciedade e diminui o apetite voraz por doces e carboidratos.

Os benefícios desses ativos podem ser encontrados em um único composto: o Fat Repair. Este composto emagrecedor possui uma fórmula exclusiva desenvolvida especialmente para promover a queima de gordura visceral de forma segura e natural, acelerar o metabolismo basal e inibir o apetite. Ideal para quem quer secar a barriga e perder gordura localizada. 

Sua saúde é o seu bem mais importante! Fique sempre de olho nos sinais enviados pelo seu corpo, cuide da sua saúde hoje para viver bem no futuro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *